Carlos Vereza

Loading...

MENU

Navegue pelas veredas do Vereza clicando nas opções abaixo:

quarta-feira, 17 de março de 2010

O Anticristo

A égregora planetária,está visivelmente poluida,não só por emissões carbônicas,deslocamentos de placas tectônicas,mas sobretudo,por formas-pensamento de poder,ambição,e a vocação inata da humanidade para a autoaniquilação. Vários fatores contribuem para a hecatombe que já dá seus primeiros sinais:Haiti,Chile,Tsunami,mudanças climáticas,doenças desconhecidas,etc. Homens existem,com um poder de manipulação dos povos,seja através de propagandas subliminares,imbuidos em sua maioria,por ambições totalitárias,egos doentios,ou mesmo por obsessores do astral inferior,atraidos pelos fluidos dessas criaturas. O Anticristo,não é,necessáriamente,uma pessoa,um número,ou uma sigla cabalística. Em verdade,é uma soma de fatores,como,por exemplo,a glamourização das drogas,dos filmes "dedicados"a sofisticar a marginalidade,ou a "invenção" de lideres "carismáticos" SEBASTIANISTAS,que teriam como "missão",a "salvação" da humanidade.Observem,sem sectarismos,e,constatarão a sincronização entre vários desses componentes. A "contribuição" brasileira para a eclosão desta catástrofe,materialista e espiritual,está configurada,entre outros desastres,no aglomerado que tomou de assalto o nosso país,que atende pela denominação de Partido dos Trabalhadores(sic) que tem como "dirigente máximo",a patética figura de Luiz Inácio Lula da Silva,que está,deliciosamente convencido,que veio ao mundo,para transformá-lo segundo sua vontade.Para este feito,aliou-se aos mais repulsivos ditadores,que não hesitaríam em explodir o planeta para a realização de suas ambições. O que fazer?Perguntem ao Lenin,Hitler,ou Mao tse tung,idolos destes tresloucados! Enquanto isso,o eixo da terra,vai se verticalizando,os antidepressivos correndo,enlouquecidos,atrás da serotonina coletiva,que despenca,sem qualquer perspectiva de paz,e envelhecemos precocemente,ante a impossibilidade de reter o mínimo que seja de uma avalanche de "informações",tornando-nos apáticos,insensiveis ao horror cotidiano. Até a próxima,se houver...

9 comentários:

Julio Teixeira disse...

Caro Vereza,
O anticristo não é apenas um ser, mas lula faz parte desse dessa egrégora negativa, haja vista a sua preferência e alinhamento, sem respeito pela história e agressivo com o POVO do qual descendemos... Israel ou Isis Real...

A Egrégora planetária, por sua vez é na verdade o conjunto das egrégoras nacionais, bem como estas o conjunto das cidades, estas das comunidades e assim por diante até a menor delas, que é a do individuo, o conjunto de pensamentos e emoções de cada um.
Sem dúvida está por demais poluída. Sem dúvida.
Mas ao Brasil, apesar deste momento terrível do luopetismo está reservado um papel relevante.
Muito para além de qualquer interpretação leviana tanto dos periféricos iniciados, quanto dos profetas do fim do mundo e teóricos da conspiração.
Todo o ciclo evolutivo cumpre necessariamente as quatro etapas, e suas ditas idades ou Yugas... Ouro, Prata, Bronze e Ferro. No final desta idade também chamada Kali ou negra, é o momento do proletário subir ao poder, pregando o coletivismo e a igualdade social, mas na verdade vem destruir as instituções, precedendo uma grande destruição.
Como estas regras vêm de muitos milhares de anos atrás, o panorama nacional meramente as confirma.
Quanto ao eixo da terra, também terá de voltar ao que era antes, qaundo viviamos numa eterna primavera.
Foi deveras esse desalinhamento que provocou o compasso quaternário, dando origem às quatro estações do ano e suas sonsequências...
Inclusive determinando o ciclo 4x7:28 do chamado ciclo lunar, da mulher.
Só que um pequeno detalhe não pode passar despercebido: o lulopetismo já fez o estrago e quebrou o que deveria quebrar. Nos 3 Poderes.
É hora de reconstruir...
Por isso o brado é Fora malditos vendilhões da pátria! Fora lulismo e petismo malditos!

É a hora!
LPD

BRASIL COM RESPEITO! disse...

Não seria rancor, seria sim apenas uma observação muito bem pensada, projetando somente aquilo que esta sendo cativado a anos, a sua a minha a nossa ignorância coletiva, se você acha que tem bagagem suficiente para dizer ou expressar sua opinião sobre o que é bom ou ruim, porque não expõe o seu conhecimento e compartilha para que juntos possamos evoluir ao invés de querer denegrir aquele que quer apenas conscientizar e propagar a semente do questionamento... se oriente mais...
Rodrigo Marques de Melo Gomes

Julio Teixeira disse...

Não o leva a sério quem não é serio.
Porque desconheça um palmo além do próprio nariz; ou, no máximo, porque olhe para baixo, nada além do próprio umbigo.

Incrivel é perceber como o simplório ou dpendente de alguma bolsa esmola, mesmo que de algunmas dezenas de centenas de reais de empregos públicos múltiplos não sabe nada!
Mas na verdade é a prova definitiva de que a magia existe, e também o tulkuismo, que é a capacidade de projetar, digamos, cópias de si mesmo.
Entre nós seria os funcionários fantasmas federias, que até têm um tempinho e um tempão para comentários...
Dona marisa, por exemplo, que não tem direito a um tostão público, nem merece a comida que come, sacou 600 mil com o cartão corporativo para fazer uma previdenciazinha para seus netinhos!
realmente essa famiglia da silva Capone ganha estourado de qualquer Al...

José Antonio disse...

Não é rancor. É indignação mesmo. Indignação de alguém que não quer ficar na inércia sabendo que o seu talento e o seu esforço, que o conduziram a ter êxito na vida profissional, lhe impõe também um compromisso maior com sua comunidade. Quem vê a democracia sendo solapada por uma canalhada que se instalou não consegue ficar "deitado eternamente em berço esplêndido", mas somente quem consegue ver.

Ro disse...

"...vocação inata da humanidade para a autoaniquilação..." essa frase é assustadoramente verdadeira. Como as pessoas não percebem o que está acontecendo? Insanas mentes que não se dão conta "para que" estão vivendo. O objetivo é o carro, a casa, o "ter", preferencialmente sem muito esforço (bolsas da vida estão aí para comprovar). É olhar para o outro e dizer: eu sou mais, tenho mais e sua vida não me interessa.
Estou pensando no "Ensaio Sobre a Cegueira"...
O céu está nublado, sinto cheiro da terra molhada, o ar está fresco...
Estou pensando...

Márcia Zenkye disse...

...Mais uma carta variguiana...

Senador, toda a semana o senhor ou seu escritório me manda um email que leio com muito carinho, quem sabe o senhor não leia o meu também e entenda um pouco do que estamos passando, vou encaminhar sua resposta para mais de 13 mil pessoas, um forte abraço !

O GOVERNO NÃO É TRABALHISTA
É bonito de ver mais uma vez a advocacia-geral da união entrando com uma liminar no STF para que o governo não pague os funcionários da VARIG. A união diz que há risco de lesão à ordem e à economia pública. Casos como da Poupança Delfim, Mesbla, Transbrasil, VASP, VARIG, ect, vão manchando um país que quer ser uma potência com a descoberta do pré-sal, mas eu fico com medo de quem vai trabalhar em qualquer empresa privada, porque é fácil fechar as portas e ir embora, a lei de Gerson impera no Brasil, enquanto a lei magna que é a constituição é jogada de canto.
A união tem a responsabilidade de fiscalizar as previdências privadas e também é responsável diretamente pelo pagamento de uma previdência que venha lesar os seus contribuintes. A VARIG foi vendida em uma manobra política que coincidia com uma inovadora lei de falência que até agora se viu que beneficia só os empresários, mas trabalhador não leva vantagem nenhuma. Em 2006, um chinês e dois brasileiros compraram a Varig por 24 milhões, menos de um ano depois a empresa era vendida por mais de 275 milhões, isto tudo assistido de camarote pelo nosso governo, que dando risadas e abraços montava mais UM esquema onde só alguns iriam ser beneficiados, enquanto os funcionários não tinham suas rescisões contratuais e se viam jogados na rua sem nenhum apoio do governo que se diz PT (Partido Trabalhista).
Onde estará as pessoas, seja ela , dep. Estadual, dep. Federal, Senador ou o próprio presidente deste país que vai abrir a boca em pró de trabalhadores que lutaram durante ANOS em uma empresa que foi cuidadosamente vendida para que alguns se beneficiassem, todos os dias eu vejo políticos fazendo retóricas, vejo que o povo é enganado todo o tempo, mas por favor não venha oferecer para estes trabalhadores bolsa-família, dêem o que é de direito deles que nunca mais vamos perturbar.
Sei que nosso número pode não expressar tantos votos no final da história , somos mais ou menos treze mil funcionários, indiretamente a Varig tinha 100 mil pessoas trabalhando para que ele voasse todos os dias. Mas o que são 100 mil votos para um governo que dá mais de um milhão de bolsas-famílias.
Muito mais do que um desabafo este texto é uma forma de trazer para o nosso lado, homens e mulheres do bem, sejam políticos ou pessoas públicas que possam GRITAR a nosso favor. Quero que esses 100 mil lesados venham tocar o coração de mais 100 mil e multiplicar ainda mais, para que um dia todos possam ter um governo que realmente olhe para o povo com o devido respeito que ele merece. Cansei de ver colegas morrendo de fome e perdendo suas casas por não terem mais onde trabalhar por causa da idade avançada, cansei de ver colegas morrerem em hospitais por não terem dinheiro para bancar seus remédios, quero continuar tendo orgulho do meu país e daqueles que o governam.
Agenor Carneiro

Obs.: Atualizei os valores das vendas !!!

mail: agenorcarneiro@gmail.com
agenorcarneiro@hotmail.com

Julio Teixeira disse...

Acho que a senhora Márcia é uma das milhares de vítimas de uma causa dentre tantas outras milhares de causas.
Tem o meu absoluto respeito, e peço encarecidamente para organizar uma passeata das mulheres vítimas dessa tragédia em repúdio contra a boneca de pano dilmente do lularápio.

Torta de Limão disse...

Vereza, um primor de texto, ácido, saboroso, como a torta de limão. Parabéns!

Kelo disse...

Vereza, também sou anti-Dilma, mas não sei em quem votar. Discorra por favor entre os possíveis candidatos a presidente em 2010 para que eu possa começar a ter algum foco. Tente abrir minha mente, por favor. Abraço.