Carlos Vereza

Loading...

MENU

Navegue pelas veredas do Vereza clicando nas opções abaixo:

terça-feira, 18 de maio de 2010

MEPHISTO DE GARANHUS!

"... sob a nossa opnião, a feitiçaria tão tradicional é um processo bastante ingênuo e inofensivo, comparada ao pavoroso feitiço da bomba atômica, que, em poucos minutos, matou mais de 120 mil pessoas no Japão! Que vos adianta guardar segredos das práticas de bruxaria feitas a "varejo" quando a fórmula da desintegração atômica ficou a disposição dos bruxos modernos da Ciência, que não hesitaram em perpetrar o mais vasto e diabólico enfeitiçamento por atacado, reconhecido pela história do mundo!" Do livro "Magia de redenção" Ramatís. Pela primeira vez, Dilma Rousseff, em sua , digamos, "tragetória" politica, falou a verdade: " O Irã possui armamentos nucleares!" Convivendo, como convive,, com Luiz Inácio ,e candidata a presidência da república, sem dúvida,é conhecedora de toda a estratégia ( se existe alguma...) de relações do Brasil e a comunidade internacional. Agora, diante de mais uma trapalhada do Itamaraty do B, com o Grande Timoneiro,assumindo para o mundo que "intermediou" um "acordo" com Ahmadinejad,onde o psicopata, que semana passada mandou enforcar cinco dissidentes,teria se comprometido a utilizar energia atômica para fins pacíficos,estamos diante de mais uma jogada de marketing, típica do megalômano,que exporá o país ao definitivo descrédito mundial! Enquanto isso, o ditador iraniano, vai ganhando tempo, não permitindo a inspeção dos responsáveis pelo Tratado de Não Proliferação de armas Nucleares! O que o delirante apedeuta, não é capaz de manipular, para permanecer no poder!

31 comentários:

Theresa disse...

Exatamente Vereza, o representante dos petistas é um Mephisto com chaupéuzinho de cangaceiro.
Quais seriam as credênciais do governo petista para realizar qualquer acordo cuja a segurança do mundo ocidental e de Israel estariam em jogo?
O único acordo que este governo deveria fazer seria tentar acabar com o analfabetismo no país, esgotos a céu aberto, corrupção, melhorar o sistema de saúde e de educação, estes acordos o governo do analfabeto não tem interesse algum em assinar. (Será que levou o carimbinho com assinatura?).
O governo petista sequer sabe localizar cidades no Estado de São Paulo,criaram um novo mapa com cidades itinerantes - como poderão entender dos problemas internacionais? Uma estupidez tremenda.
O homem é um perigo para toda a humanidade. Inacreditável que uma população analfabeta que troca o seu voto por espelhinhos e baldes de plásticos venha a ser diretamente culpada pelas estupidezas que os párias internacionais poderão vir a cometer por causa do tempo que este apedeuta presenteou o fanático iraniano. Foi um show de segunda categoria encenado por três imbecis. Um semi-analfabeto, um islamista e o outro um otomano que desmente o genocidio cometido contra o povo armênio.No entanto se encontram no mesmo quarto escuro, o iraniano querendo acabar com Israel, os turcos querem acabar com os armênios e o Lula sonha acabar com a elite alfabetizada brasileira.
O Serra mandou o homem estudar.

O garunhes que não pense que os USA e a Europa vão ficar contentes com o tal acordo assinado no papel higiênico e espero que as sancções contra o Iran aconteçam.Semana passada cinco dissidentes iranianos foram enforcados e o hipócrita do Lula tem a coragem de rir na foto.
Aliás o presidente dos petistas deveria deixar de usar ternos três numeros abaixo da sua capacidade fisica, o seu semblante já é pouco agradável e as caretas de sofrimento para abotoar o paletó sómente aumentam a repulsa que emana.

Luiz Gonzaga disse...

A ficção e o acordo no Irã

A estratégia fartamente difundida na mídia mostra como pseudo-lideres podem influenciar e deturpar os fatos e o destino dos acontecimentos políticos no mundo. Desde a antiguidade os dirigentes ou militares usaram de artifícios para a consecução dos seus objetivos. O presente grego ofertado aos troianos – o célebre Cavalo de Tróia –, o pacto de não-agressão proposto por Hitler aos soviéticos, entre outros truques já utilizados e conhecidos, compõem a estratégia da fraude a serviço da obtenção de objetivos.

No âmbito local fala-se dos acordos prévios feitos, pelo “líder dos trabalhadores” com os patrões, para conduzir as greves dentro das perspectivas lucrativas das empresas em favor das trocas de benesses entre estes e o líder que controla os movimentos grevistas. Tudo sob controle.

A estratégia é simples: cria-se um “fato-ficção” clonado de um fato real. Transforma-se esse fato em forte expectativa que esse pacto-ficção crie uma solução definitiva. No caso de fracasso constroem-se explicações que o justifique.

Se o objetivo for “ganhar tempo”, prolongam-se as conversações e constroem-se acordos secretos para permitir que as soluções sejam bastante vagarosas e confusas. A previsibilidade futura dependerá da paciência entre os envolvidos e do tempo que se necessita para a estratégia surtir efeito. Enquanto isso se usa a propaganda para enaltecer os propositores do plano e ridicularizar os opositores da “idéia pacificadora”.

Como esses truques já são antigos e manjados, seus propositores correm o risco de caírem no ridículo. Mas, em contrapartida, grande parte da população desinformada continuará acreditando nos seus “bons propósitos”.

É uma pena sabermos que, tanto lá como cá, estamos diante de dirigentes delinqüentes.

Theresa disse...

O ocidente mantém a pressão sobre Theran, apesar do tal acordo de ontem.
A União Europeia não considera que o "acordo" firmado entre os três responde as perguntas sobre o programa nuclear iraniano.
A Agência Internacional de Energia Atómica já havia feito propostas substanciais ao governo iraniano em relação ao abastecimento do reactor, mas o governo islamico não aceitou as propostas.
Cheio de razão o governo de Tel Aviv manifestou a sua preocupação e acusa o Iran de manipulador. A Alemanha já foi bem clara e direta sobre o assunto e mantém o que já disse antes - nada poderá substituir "um acordo entre Theeran e a AIEA", esta bem claro que o tal acordo de ontem não tem a minima importância para o o governo alemão.A França, o Reino Unido e os USA - continuam a defender novas sancções contra o governo iraniano - o qual tenciona enriquecer urânio.Nada mudou.
Qual é o acordo que o petista conseguiu? Nenhum, mas ajuda o governo islamista do Iran a ganhar tempo é tudo o que êles necessitam. Que venham as sancções e que sejam pesadas.
A população brasileira que vota no Lula não poderá ter opinião alguma sobre este assunto, sequer sabem a geografia brasileira como saberiam opinar sobre enriquecimento de urânio para fins não pacificos? Para ter uma idéia dos eleitores do PT basta entrar no "brogue da Dirma" e temos o fiél retrato do povo que colocou o Lula no Planalto, o mesmo Lula que agora pensa que cresceu e pode ser o dono do mundo. O imbecil de Garanhus não perde por esperar.

Luiz Gonzaga disse...

A Força Nacional de Segurança Pública ( FNSP ), criada em 2004, é um programa de cooperação de Segurança Pública brasileiro, coordenado pela Secretaria Nacional de Segurança Pública (SENASP), do Ministério da Justiça (MJ).

É um órgão que foi criado durante a gestão do Presidente Luiz Inácio Lula da Silva, idealizado pelo Ministro da Justiça Márcio Thomaz Bastos.

Quem adivinhar qual é o poderoso chefão da Secretaria Nacional de Segurança Pública ganha 10kg de urânio enriquecido e um videogame com autógrafo de Paulo Li.

Luiz Gonzaga disse...

Magia de Redenção não é uma raridade. É vendido em muitas livrarias, sabia? basta digitar no Google e escolher á vontade:

MAGIA DE REDENCAO - OBRA PSICOGRAFADA POR HERCILIO MAES - RAMATIS - Preço: R$ 25,00 - Encontre e compre livros usados, raros e esgotadosde ...
br.gojaba.com/...

Luiz Gonzaga disse...

Não sou espírita, mas vejo muito "espírito de porco" postando aqui!

Luiz Gonzaga disse...

Canto I

As armas e os cumpanhêros assassinados,
Que foram totalmente deletados,
Por tentarem denunciar corrupção,
Passaram para além deste país,
Em perigos e assaltos fabricados,
Mais do que a força humana quis,
E entre gente morta edificaram
o Novo Reino, que tanto conspurcaram;

Canto II
E também as memórias gloriosas
Daqueles três, que foram depredando
A Fé, o País, e as terras virtuosas
De Norte a Sul andaram devastando;
E aqueles, que por obras desonrosas
Rifaram a lei do parlamento profanando;
Renans, Sarneys e o Collor após regresso
Transformaram em bordel nosso Congresso.

Canto III
Cobre do Dirceu, Palocci e do Genuiniano
As malversações grandes que fizeram;
Cale-se o Amorim por propagar engano
Sobre a fama das vitórias que tiveram;
Que por louvarem um apedeuta insano,
A quem Neptuno e Marte desdisseram:
Cesse tudo o que a Dilma antígua anta,
Que outro valor mais alto se alevanta.

Canto IV
E vós, Tágides minhas, pois criado
Tendes em mim um novo engenho ardente,
Se sempre em verso humilde celebrado
Foi de mim vosso riso alegremente,
Dai-me agora um som alto e sublimado,
Um estilo grandíloquo e corrente,
Porque de vossas águas, Serra afirme
Que não tenham medo de vitória firme.

Canto V
Dai-me uma fúria grande e sonorosa,
E não do agreste Datena ou Marisa muda,
Mas de turba iletrada e belicosa,
Que o peito acende e a cor ao gesto muda;
Dai-me igual canto aos feitos da famosa
Ó petralhas, que à Marta tanto ajuda;
Que se espalhe e se cante no horizonte,
Se tal preço cabe em verso ao ignorante.

Maria do Espírito Santo disse...

A maior parte dos humanos ainda está agrilhoada na caverna platônica, tomando as sombras projetadas no fundo da grota como sendo a realidade.

E filósofo, para Platão, era aquele que conseguia perceber o jogo das sombras como sendo ilusório. Depois dessa percepção, deveria o filósofo seguir procurando o sol da verdade. Quando o encontrasse, seu dever seria voltar à caverna, libertá-los de seus grilhões e mostrar a todos eles o brilho verdadeiro do sol.

Desde a 2ª metade do séc. IV a.C. a história se repete: são poucos os que buscam a luz, mesmo porque a luz às vezes é cegante... Melhor, para a maioria, é o conforto da penumbra e a ilusão perene a respeito da realidade.

A ciência "em si" do Gil e de outros, não pode ser responsabilizada pelo encaminhamento que dão a ela os loucos tiranos porque a ciência é o caminho desencantado da busca pela verdade. Uma faca pode ser usada para cortar alimentos ou para matar alguém. E é lógico que se alguém morreu esfaqueado, a culpa não é da dona Faca.

Talvez a reflexão sobre as relações entre a ética e a ciência sejam as mais importantes para o mundo contemporâneo. Mas que seja uma ética isenta, sem moralismos nem dogmatismos de natureza ideológica.

Maria do Espírito Santo disse...

Putz, Luiz Gonzaga...
Tô beje-bahia com a sua paródia...
Parabéns!
Na mosca!
E vai ser brilhante e competente assim lá no Tejo, entre as tágides!
Caraca... Maravilha!!!!

Maria do Espírito Santo disse...

Minha cara Mariza com Z,

a academia nos ensina a discutir com base em argumentos comprovados, você é capaz de compreender o que eu estou dizendo?

Ataques pessoais não fazem o menor sentido no seleto e erudito - pedante, também, pois nada é perfeito... - ambiente acadêmico.

Você trás estatísticas desgastadas como argumento. Parece mais uma líder de torcida organizada à la mode Galoucura. Menos, menina bonita, menos...

É natural e portanto compreensível que dom Luís LI tenha o elevado percentual de aprovação que tem, uma vez que formação, Bildung, paidéia, são raras e escassas por estas plagas.

O que vem a ser "curso de inteligência (?) e de sensibilidade (?)" no seu modo "intuitivo e imediato" de apercepção da realidade?

Inteligência e sensibilidade são condições apriorísticas do conhecimento e universidade, como o próprio nome indica, é um espaço voltado para a divulgação e o aperfeiçoamento do conhecimento objetivo científico, filosófico e estético.

Além disso, inteligência e sensibilidade são atributos pessoais, subjetivos, sendo, portanto, opostos à universalidade que as universidades se propõem manter, estimular e produzir.

Seu líder, minha querida, apenas disse, mais uma vez, as asnices que a ignorância reinante no Grotão adora ouvir. Ele, assim como a maior parte do povo brasileiro, não sabe distinguir entre o público e o privado, entre questões objetivas e subjetivas.

Daí o sucesso que faz entre a grande massa...

Os dados estatísticos que você apresenta, só comprovam que a ignorância impera por aqui.

E se meu espírito é de porco, melhor pra mim: eu prefiro compartilhar com os suínos o meu espírito de que com pessoas da sua espécie que, não sei bem o porquê, me lembrou o filme do Nelson Rodrigues Bonitinha mas Ordinária.

Invista um pouco mais em cultura, minha querida. Posso garantir que isso lhe fará um bem enorme.

Maria do Espírito Santo disse...

Você tem toda razão, Bonitinha-não-necessariamente-ordinária: tráz foi um erro lamentável. Foi ótimo você ter me alertado (aos berros, inclusive, e contrariando a Netiqueta) porque eu sempre aprendo com meus erros. Mas, para aprender com eles, é necessário um agente que os aponte.

Que bom que você foi um deles, digo eu, brincando de Poliana-Moça e Jogo-do-Contente...

Errar é humano: errar e permanecer no erro é diabólico. E permanecer no erro costuma ser o caso da turba ignara que apóia, com argumentos paupérrimos e rotíssimos, a transformação do Estado brasileiro no nicho do mais vil e infame populismo de que já se teve notícias.

Seus argumentotes são catastróficos, minha cara. Procurar por um forte e vivo é como procurar por sobreviventes numa batida de fusca com carreta.

Luiz Gonzaga disse...

Fiquei muito feliz com sua postagem de elogios a mim, Maria do Espírito Santo. Só que eu esqueci de colocar o título: Os Lulíadas.

Só não entendi o "beje-bahia". O que significa?

Sua postagem é lógica pura! Gosto do seu estilo.

Fiquei em dúvida ao alterar a beleza lírica dos cantos, porém nem sempre a inspiração consegue se libertar da indignação. Navegar é Preciso!

Maria do Espírito Santo disse...

Você merece todos os encômios e mais alguns, Luiz Gonzaga. Sua paródia ficou excelente.

Beje-Bahia foi uma "inovação" na peruíssima expressão "tô beje", que significa, estou chocada, pasma, espantadíssima e vai por aí até Valparaíso...

No mais, Gerais...

Hora de ralar. Até mais tarde e um bom dia para todos!

Luiz Gonzaga disse...

Outra adaptação ao soneto Velha Anedota, de Artur Azevedo:

Velho Idiota

Luis Inácio, frívolo peralta,
Paspalhão desde fedelho,
Incapaz de ouvir um bom conselho;
Tipo que, morto, não faria falta.
Mas um dia deixou de andar à malta.
E indo à casa do pai, honrado e velho,
Mirou-se diante de um espelho,
E à própria imagem disse em voz bem alta:
Luis Inácio, és um loquaz famoso,
És rico, és talentoso.
Que na vida se te faz preciso?
O pai, sisudo,
Que por trás da cortina ouvia tudo,
Serenamente respondeu: JUÍZO!…

Luiz Gonzaga disse...

PIDIDU PU RUI BRABOSA (CORDEL POPULAR)

Vô pidi u rui Brabosa
Pru módi eli mi ajudá
Pra mudificá a prosa
Di quéim qué iscrivinhá
Nessi brog du planati
Pra pudê organizá

Téim uns caba qui iscrevi
Qui nóis num intendi nada
Um tar PIG, tucademo
Tanta coiza isquisita
FHC, DEM, gorpista
Qui nóiz nunca viu, nem lemo

Inté agora num sei
quéim é issi pissuá
pareci uns caba sem lei,
sem curtura e sem morá
pariçendo uns inletradu
qui num sabi sispressá

Aqui nu nossu arraiá
só cabi genti dessente
qui num róba i qui num menti
i sabi si cumportá

tarvez nóiz vai carecê
duns nomi béim cunhissidu
pra foimá um comitê
di grandi fama im prusura
lides da literatura
da puezia i da proza
uma tuima béim famoza
pra dá aula di curtura
pra petraiada horroroza

U Machadu di Açis
Quiscreveu Alienista
U ingrês chekssrispire
U mais famozu iscrivista
U nossu Lima Barreto
Cum u homi javanista
U Graciliano Ramo
Iscritô da Vida Seca
U grandi Guimarãe Rosa
Homi di veuçu i di prosa
Pra insiná prutuguêz
Pressa rassa indecorosa

Meu vizinho Virgulino
Desdi qui era mininu
Já sabia iscrevê
Falava tudu direitu
Era homi di respeitu
Num mintia, num falava
Coiza qui num sabia
Num comitia hirizia
Eu juro, num si gavava

U homi qui menti muito
Qui iscrevi tudu torto
É um caba amaigurado
Um dia amanheci morto
Cu’as palava ingasgado

Ançina: Zé Serrote, u pueta du Serrão

Maria do Espírito Santo disse...

Tudo bem, querida tartufesca, tudo bem...

Vamos à análise dos seus sólidos argumentos, os quais têm sempre a mesma arché: o sucesso do Lula aqui dentro, o sucesso do Lula lá fora.

Lula é mesmo um sucesso! O rol de escândalos envolvendo o desgoverno é o mais extenso da história d´ess país. Mas o Lula, é claro, nunca soube, sabe ou saberá de nada.

Lula governa com o coração e seus assessores com cuecas samba-canção. Lula sobe nas pesquisas e nos palanques, teleguiando a candidata à herdeira do trono com sua voz de Abraão roufenho - lembremo-nos, também, que a vox populi é a vox luli -, como aconteceu em Sampa no 1° "Dilmaio".

Lula é o rei-sol da Marilena Oiapoque-ao-Chauí, o santo preferido do frei Betto Carreiro das ideologias regressivas, o ídolo do MST e seus inúmeros vandalismos.

Querida, respeito a sua fervorosa paixão pelo Lula - e dizem, não por acaso, que paixão torna os apaixonados cegos - mas, por favor, por favor, por favor...

Seria possível melhorar um pouquinho o seu nível argumentativo, como também melhorar o seu repertório da ataques a mim?

Tenho aqui algumas sugestões a lhe dar:

Maria do Espírito Tonto (Olha só que diferença uma mera letrinha faz!)

Maria do Espírito Torto (Desta vez foram duas letrinhas, mas trata-se de um epíteto marcado pela sutileza, o humor fino e a elegância)

Maria do Espírito Símio (Nada melhor do que me chamar de macaca com um termo clássico, senhora "escritora")

Maria do Espírito Seco (Esse aí ainda evoca outras securas físicas associadas à menopausa feminina, ou seja, é discretamente arrasador)

E fica aqui, de presente, a última sugestão para o seu dies irae de "tormenta e borrasca" contra mim:

Maria do Espírito Saco (meio grosseiro, mas pra pessoas da sua estirpe, pode ser considerado como sendo bastante educado)

E não precisa me agradecer, não, meu bem. O que a mão direita faz a esquerda não precisa tomar conhecimento. É de coração, viu?

Só mais uma coisinha: revise o seu testículo antes de postá-lo. Alguns errinhos insignificantes estão passando... Passando e ficando, o que não deixa de ser desagradável para quem critica o texto alheio.

Hermes disse...

É ISSO AI VEREZA. TÔ CONTIGO. ESSES PTISTAS PODEM MASCARAR A VERDADE E ENGANAR A MULTIDÃO, MAS NO DIA DO ADEUS TERÃO QUE ARCAR COM O QUE FIZERAM DE RUIM.

Luiz Gonzaga disse...

As últimas declarações do Mico Amorim sobre o “acordo” no Irã fizeram-nos sair do Paleolítico e avançar para a Era Crepuscular dos Símios. Eis o que disse:

“- Não acho positivo ficar fazendo ameaças. Acho também que, se o Irã for inteligente, não dará bola para isso e continuará fazendo o que tem que fazer.”

Nota: Graças à competente assessoria dada ao aiatolah Mula-lá, de agora em diante estaremos na mesma caverna onde habitam outros fósseis da América Latina.

¡Viva la revolución socialista!

Luiz Gonzaga disse...

As últimas declarações do Mico Amorim sobre o “acordo” no Irã fizeram-nos sair do Paleolítico e avançar para a Era Crepuscular dos Símios. Eis o que disse:

“- Não acho positivo ficar fazendo ameaças. Acho também que, se o Irã for inteligente, não dará bola para isso e continuará fazendo o que tem que fazer.”

Nota: Graças à competente assessoria dada ao aiatolah Mula-lá, de agora em diante estaremos na mesma caverna onde habitam outros fósseis da América Latina.

¡Viva la revolución socialista!

Luiz Gonzaga disse...

Prosopopéia para os Patos

Conta-se que Rui Barbosa, ao chegar em casa, ouviu um barulho estranho vindo do seu quintal. Chegando lá, constatou haver um ladrão tentando levar seus patos de criação.

Aproximou-se vagarosamente do indivíduo e, surpreendendo-o, quando este tentava pular o muro com os patos, disse-lhe:

- Oh, bucéfalo anácrono! Não o interpelo pelo valor intrínseco dos bípedes palmípedes, mas, sim, pelo ato vil e sorrateiro de profanares o recôndito da minha habitação, levando meus ovíparos à sorrelfa e à socapa. Se fazes isso por necessidade, transijo; mas se é para zombares da minha elevada prosopopéia de cidadão digno e honrado, dar-te-ei, com minha bengala fosfórica, bem no alto da tua sinagoga, e o farei com tal ímpeto que te reduzirei à quinquagésima potência que o vulgo denomina nada.

E o ladrão, confuso, diz:
- Dotô, resumino: eu levo ô dexo os pato?

Comentário meu: o ladrão era petralha...!

Luiz Gonzaga disse...

Governo lula descobre o que atrapalha as obras da copa: a lei!


Essas lei só atrapáia
Mandu ela prás cucuia
Sô o lide dus petráia
Chefi das tribu tapúia

Mandu na caguidata
Guerilhêra, sim sinhô
Vamu mantê a mamata
Mermo contra us dotô

Dêxe dessas bobage
Di fazê licitação
Cumé qui nossus cumpáde


Essas lei só atrapáia
Mandu ela prás cucuia
Sô o lide dus petráia
Chefi das tribu tapúia

Mandu na caguidata
Guerilhêra, sim sinhô
Vamu mantê a mamata
Mermo contra us dotô

Dêxe dessas bobage
Di fazê licitação
Cumé qui nossus cumpáde
Vaum pudê “metê a mão”?

Luis Inasso

Theresa disse...

Recado para o sr José Lopes.
O seu nível é tão baixo que o levou a ser petista. Não tenho nada contra a sua escolha, é um homem livre e assim deve continuar, no entanto tambem eu sou livre e tenho o direito de escolher quem escreve o meu nome, respeito o seu e nunca o mencionei antes de hoje e não irei faze-lo no futuro. Exijo respeito e exijo que o meu nome não seja associado a sua figura. Não viemos do mesmo berço, acidentalmente nascemos no mesmo pedaço de terra, mas nada nos une,tudo nos separa.
Respeito é uma regra dos bons costumes , mas isso o sr Lopes não poderia saber.
Encerro aqui este particular com o sr Lopes.

Continuo achando uma grande pena que o Vereza deixe esta caterva sujar de lama este espaço, não traz nada de bom para ninguem, ja que os petistas que aqui escrevem não tem nível intelectual para entender nada, se o fizessem já teriam armado a barraquinha há muito. Insisto, ganham para isso mesmo, perturbar. Por este motivo é que acho que o Vereza deveria barrar esta gente, estão profitando a custa dos blogs anti-petistas, porque o Vereza insiste em ajudar esta gente? Nós entendemos a desgraça que é o PT para o país, mas é esta gentalha que tem o poder de decidir o futuro da nação, já basta que temos que atura-los no mundo real, não vejo o porque da aturação no mundo virtual.
Assepsia já!

Luiz Gonzaga disse...

Em 1913, Lenin escreveu os “Dez Mandamentos” que apresentava ações táticas para tomar o poder.

Qualquer semelhança com os dias de hoje no Brasil, não é coincidência.

Revendo a história, veremos semelhanças surpreendentes com o que vivemos em nossa pátria usurpada pelo MST e pelos petralhas que governam agora.

Aqui está o que Lenin disse:

1. Corromper a juventude e dar a liberdade sexual (Agregá-lo com DROGAS).
2. Infiltrar-se e depois controlar todos os meios de comunicação de massa.
3. Divida a população em grupos antagônicos, incitando discussões sobre questões sociais.
4. Destruir a confiança do povo em seus líderes.
5. Sempre falar sobre democracia e Estado de Direito, mas sim quando a oportunidade surgir, tomar o poder sem qualquer escrúpulo.
6. Colabore com o esgotamento dos fundos públicos; desacreditar a imagem do país, especialmente no exterior e causar pânico e inquietação entre a população através da inflação.
7. Promova greves, apesar de serem ilegais nos setores vitais do país.
8. Promova distúrbios e contribua para que as autoridades legais não os reprimam.
9. Contribuir para destruir os valores morais, da honestidade e da crença nas promessas dos governantes. Nossos parlamentares infiltrados do Partido Democrata não deve culpar os comunistas, forçando-os, sob pena de expô-los ao ridículo, a votar somente o que é de interesse para a causa socialista.
10. Recorde a todos aqueles que possuem armas de fogo que sejam confiscadas no momento oportuno, tornando impossível qualquer resistência à causa.

Luiz Gonzaga disse...

Vejam o resultado do aparelhamento que o PT fez em nível nacional. A governadora do Pará Ana Júlia de Vasconcelos Carepa, que já foi senadora,
lidera a corrupção no Estado.

Primeiro a notícia. Depois postarei a entrevista.

Deputada do PMDB revela escândalos no Governo do PT do Pará
Deputada Simone Morgado "Posso perder o mandato, mas não vou deixar de revelar tudo que está nestes relatórios"
Próximo Ampliar Foto: (foto: Thiago Araújo) Deputada Simone Morgado durante a transferências dos dossiês da AGE para um local seguro
Deputada Simone Morgado durante a transferências dos dossiês da AGE para um local seguro
Edição Gterra


Após a divulgação da segunda parte dos relatórios da Auditoria Geral do Estado (AGE), a presidente da Comissão de Finanças da Assembleia Legislativa, deputada Simone Morgado (PMDB), comentou, em entrevista exclusiva ao DIÁRIO ONLINE as irregularidades em várias secretarias do governo, as ameaças de processo que ela vem sofrendo e detalhes dos próximos dossiês que serão divulgados amanhã (19).

A deputada também criticou a fala da governadora Ana Júlia, que declarou esta semana que não está preocupada com os relatórios da AGE, pois ela teria sido responsável pela implantação do órgão no Estado. “O economista e professor Sérgio Bacuri já nos confirmou que a AGE foi criada em 29 de dezembro de 1998, obedecendo à Lei 6.176, durante o governo de Almir Gabriel. O órgão ficou ainda atuante durante o governo Jatene, por isso é um absurdo dizer que foi ela a responsável pela implantação da AGE no Estado. É um desmerecimento ao trabalho realizado pela Auditoria Geral do Estado durante todos esses anos”, explica a deputada.

Luiz Gonzaga disse...

Aos que postam neste Blog:
Vamos ignorar esses petralhas que invadem o Blog...
Informações de um amigo de Brasília afirmam que os petralhas delinqüentes são “paus-mandadados” do Franklin Martins, são pupilos do MST, com o objetivo de confundir as pessoas de bem que postam aqui.
Não devemos perder nosso tempo com essa corja de malfeitores. Nosso tempo é para circular notícias consistentes que nos mantenham em contato e informados sobre as ultimas noticias.
...isolem os bastardos, não respondam a eles. Eles se tornarão invisíveis e suas babaquices não devem ser lidas.

Luiz Gonzaga disse...

Entrevista com a deputada SIMONE MORGADO

DIÁRIO ONLINE - Qual a sua posição em relação às ameaças que a senhora sofreu, de processo por quebra de decoro parlamentar ou até mesmo de cassação do cargo?

SIMONE MORGADO - Quando eu convoquei a reunião extraordinária na Assembleia, o deputado Gabriel Guerreiro (PV - líder da bancada do Governo) correu para que fosse assinado, antes mesmo do meu pronunciamento, um documento a favor da criação de um processo por quebra de decoro parlamentar, baseada no artigo 105 do nosso regimento, que fala sobre a divulgação de assuntos sigilosos sob pena de perda do cargo.

Posso perder o mandato, mas não vou deixar de revelar tudo que está nestes relatórios. Aquilo foi uma tática de intimidação clara, porém eu não me importei e comecei a divulgação assim mesmo. Os recursos são públicos, por isso, toda a população tem o direito de saber onde foi parar esse dinheiro.

Essa história de quebra de decoro não condiz com a realidade. O próprio governo já divulgou dossiês sobre o Ophir Loyola e não houve todos esses questionamentos. Acredito que estes relatórios, de fato, estão incomodando muita gente.

As ameaças feitas pela bancada governista têm me dado mais força e motivação para continuar com o meu trabalho. Alguns deputados dizem que estou retendo as caixas, algo que não é verdade. Desde que anunciei os relatórios avisei a todos que os documentos estão à disposição para análise. Basta virem aqui (Comissão de Finanças) para que isso aconteça. Eu peço que os deputados venham, pois isso poderia acelerar o meu trabalho de análise e resumo. No entanto, ao invés de ajuda, a única coisa que ouço são reclamações.

DIÁRIO ONLINE – A senhora divulgará os conteúdos das secretarias administradas pelo PMDB? Qual a orientação do partido em relação a isso?

SIMONE MORGADO - Vamos divulgar todos os conteúdos dos dossiês, independentemente do partido. O próprio líder do PMDB, (o deputado federal) Jader Barbalho, recomendou que isso fosse feito. Existem irregularidades ligadas às administrações do partido, como dispensa de licitação e renovações irregulares de contrato, como foi visto no caso da Secretaria de Estado de Desenvolvimento Urbano e Regional (Sedurb). Todas estas informações foram detalhadas pela ex-auditora Thereza Cordovil e serão divulgadas no decorrer da semana.

DIÁRIO ONLINE – Dispensa de licitações e beneficiamento de empresas por editais duvidosos têm sido as irregularidades mais freqüentes nos relatórios. Recentemente tivemos o caso da Secretaria de Estado de Meio Ambiente, que dispensou uma licitação de mais de R$ 8 milhões, deixando apenas uma instituição como responsável pelo serviço oferecido. Como a senhora avalia isso?

SIMONE MORGADO - Sim. Este é um problema frequente em quase todas as secretarias. Com eu disse, tivemos vários casos, como o da Sedurb, Seduc, Sespa, etc. Ainda não analisei os relatórios sobre a Sema, mas já soube do fato e realmente se assemelha as questões colocadas nos dossiês.

A Sespa, por exemplo, deixou em 2007, apenas 9% do seu orçamento aplicado a serviços licitatórios em 2007. Todo o resto foi dispensado. Esse fracionamento nas despesas, que era pequeno, sumiu no ano seguinte. Em 2008, 100% dos os serviços sofreram dispensa de licitação. O Hospital Regional de Conceição de Araguaia e o Hospital Abelardo Santos, em Icoaraci, são amplamente citados nos relatórios como exemplo destas irregularidades.

DIÁRIO ONLINE - O que colabora para que estas irregularidades aconteçam?

SIMONE MORGADO - O fato das secretarias não terem um controle interno é um dos principais motivos para estas irregularidades acontecerem. Existem processos sem números, documentos sem assinaturas, desinformação, etc. Brechas que são aproveitadas por aqueles burlam as leis fiscais.

Luiz Gonzaga disse...

Entrevista com a deputada SIMONE MORGADO
continuação...

DIÁRIO ONLINE - Em pronunciamento oficial sobre os relatórios, o governo disse que já estava ciente dos problemas, inclusive, já estaria exonerando servidores de seus cargos por causa disso. Será que ele estava realmente ciente de todos os problemas?

SIMONE MORGADO - Se já estavam sabendo, porque não tomaram as providências antes? Há irregularidades que foram constatadas no governo anterior e ainda continuaram por dois ou três anos no governo atual. O governo admitir que sabia das irregularidades é também, admitir conivência com esses fatos. Afinal, os problemas foram herdados da administração anterior e mesmo assim, nada foi feito.

Um exemplo é o deputado Ganzer (ex-titular da Secretaria de Estado de Transporte), que tentou rebater as críticas em relação ao órgão, afirmando que enviou explicações a AGE sobre a renovação de contrato da empresa Delta desde o ano de 2006. No entanto, o problema já tinha sido percebido pela AGE, que notificou Ganzer duas vezes. Mesmo assim, a empresa teve seus serviços renovados.

DIÁRIO ONLINE - Diante desses fatos políticos, a senhora acredita que ainda há possibilidade de aliança entre PMDB e PT a nível estadual?

SIMONE MORGADO - Essa aliança no Estado já está acabada faz tempo. Mas nacionalmente, vai muito bem, obrigada. Enquanto o atual governo continuar ignorando a lei 8.666 das licitações e jogando no lixo questões como a Lei de Responsabilidade Fiscal, não podemos levar a sério uma aliança.

DIÁRIO ONLINE - A senhora é favorável à criação de uma CPI?

SIMONE MORGADO - Sou favorável à realização de uma investigação mais aprofundada, no entanto acredito que seja necessária a ajuda do MPE para criarmos uma CPI. Como auditora fiscal da Secretaria da Fazenda, eu vejo a necessidade clara desse tipo de investigação, mas infelizmente não tenho tempo suficiente para analisar tanta papelada ao mesmo tempo. Preciso de ajuda para realizar esse tipo de análise, pois são muitos órgãos e detalhes que podem revelar muitas informações, como empresas fantasmas.

DIÁRIO ONLINE - A senhora pode citar um caso de empresa ou instituição fantasma verificado até agora?

SIMONE MORGADO - Temos vários casos. Um deles foi do deputado Wladimir Costa (PMDB) que criou um convênio e pediu R$ 300 mil para a compra de um terreno, que seria a sede de um instituto. Quando os auditores foram verificar o endereço do tal instituto chegaram a um local no município de Barcarena, que era conhecido como “a rádio do Wlad”.

O mesmo deputado também utilizou uma emenda para a compra de brinquedos que seriam distribuídos numa instituição de caridade localizada na avenida Tamandaré, em Belém. Depois de visitar o local, os auditores constataram que o endereço não existia e que os brinquedos foram distribuídos num local chamado de “barracão do Wlad”.

DIÁRIO ONLINE - Quais serão os próximos relatórios e quando serão divulgados?

SIMONE MORGADO - O próximo relatório a ser divulgado será o da Susipe (Superintendência do Sistema Penitenciário do Estado do Pará). Os problemas desta secretaria estão ligados principalmente à compra, desvio e superfaturamento da alimentação.

A qualidade da carne e frango que são repassados aos presos é péssima. Já estive em municípios do interior e pude verificar boa parte destas questões, como o desvio de alimentos para a casa de diretor de presídio e o superfaturamento claro de itens como o frango, que custa menos de R$ 2, mas é comprado por mais de R$ 3.

Luiz Gonzaga disse...

Maria do Espírito Santo,

Eu sei que não desistirão, posto que estão cumprindo uma missão de sobrevivência. Uma seita que exclui a reflexão sensata e prioriza o obscurantismo. Mas nós podemos desistir de favorecê-los com respostas que possuem sinal inverso.

Como sugeriu o Vereza, vamos facultar-lhes o direito de livre expressão, que é próprio do processo democrático; ao mesmo tempo negar-lhes o diálogo, pois esse só tem sentido de estabelecer-se quando possui conteúdo lógico, inteligente e construtivo.

Um abraço por aceitar minha sugestão.

Luiz Gonzaga disse...

ATENÇÃO SRS: Os nomes abaixo citados são inventados pelos esquerdopatas que postam em diferentes blogs. O objetivo é causar a falsa impressão de que são muitos. O princípio da economia na propaganda marxista.

brasileiro acima de tudo, caveira, AYLTON MATTOS, ReinaldOX AzevedOX, Denise Ferreira Pinto, Adalberto, joaquim machado, mongescéptico, Hélio Gomes Ferreira Junior, Laerte, Silvino Ferreira Jr., e Francisco Ávner, GG, Figueira, Odair Odécio, Sebastião do Rego, Afonso, Pedro Saerpè, Horácio, Assum Preto e muitos outros.

Luiz Gonzaga disse...

Ver dónde van nuestros impuestos ...!

http://lgicaecomportamento.blogspot.com/2010/05/blog-post.html

FALCÃO PEREGRINO disse...

Olá,
Alguém aí(LE Tartuffe) escreveu que o "lula" está com 83% de aprovação e escreveu como quem acredita. Dizem também que o Aécio tem 92% em Minas. Papai Noel existe.
Em qualquer dos casos, se for verdade, estamos próximos da imbecilidade completa.
Os políticos deveriam ser depostos com o mínimo(20%) e o máximo(70%).

P.S.: É hilário para não dizer trágico, ver petistas corrigindo erros de escrita. Deve dar uma vergonha...,

Pois é..., mas como já disse o Barão D Itararé:
"O voto deve ser rigorosamente secreto. Só assim , afinal, o eleitor não terá vergonha de votar no seu candidato.
Abraço à todos!
Até+