Carlos Vereza

Loading...

MENU

Navegue pelas veredas do Vereza clicando nas opções abaixo:

sábado, 22 de junho de 2013

O POVO ACORDOU!

Um momento raro na história contemporânea de nosso país. Os vinte centavos são irrelevantes para uma avaliação do porquê das manifestações, como a comida estragada do Encouraçado Potenmkin, não "explica" a Revolução Russa. Talvez Jung e sua teoria da sincronicidade e do inconsciente coletivo cheguem mais próximo de um precário entendimento.

Estava lá. A palavra de ordem não podia ser mais pura e desvinculada de qualquer ranço ideológico: O POVO ACORDOU! Vi cartazes precários escritos por precários lápis...Vi jovens de doze, treze anos...Idosos rejuvenescidos empunhando bandeiras; e quando escrevo rejuvenescidos, não se trata de imagens de efeito;  sim, havia os das trevas, rostos encobertos, encurvados, obsediados tentando desvirtuar o que era claro e luz!

Sei: o esquema lulopetista não cairá facilmente. Está infiltrado nos mais de quinhentos cúmplices ou "parlamentares", lobbistas, patifes com carros oficiais...Mas o bom ruido ficou e permanecerá numa alentada expectativa que a qualquer momento pode aflorar como uma rosa..quem sabe de Luxemburgo...

Nenhum comentário: